quinta-feira, 21 de abril de 2011

Entrevista com Marcos Souza, dublador do Alejandro, Stefan, Ryan e muitos outros...

Confiram nosso papo com um grande dublador, Marcos Souza!!!
1ª - Marcos vamos começar falando um pouco de você...
Marcos Souza– Bom, não sei falar sobre mim, mas sou um cara que se amarra em estar com os amigos, praticar esportes. No tempo livre nunca paro em casa, faço amizades muito facilmente e mantenho. Apaixonado pela minha profissão e fã dos meus colegas de trabalho. Estou sempre tentando melhorar pra agradar os fãs dessa belíssima arte.


2ª -  E o que fez você entrar no mundo da dublagem? Você se espelhou em alguém? M. Souza – Xiii...já respondi essa pergunta tantas vezes que dá até preguiça...hahahah! Mas vamos lá: Um funcionário da Herbert Richers me viu atuar numa peça de teatro amador, gostou da minha interpretação, da minha voz, e me levou pra fazer testes lá. O resultado já está aí há 20 anos, na época eu só tinha 11.

3ª - E a sua primeira vez dublando, lembra? Sentiu aquele frio na barriga? Hehehe M. Souza - Lembro sim, nunca vou me esquecer. Foi em Carrossel 1, senti sim, estava rodeado de grandes feras, vozes que eu conhecia bem e ouvia desde bem pequeno, mas correu tudo bem, graças a Deus! :-)
 
4ª - De todas as dublagens que você fez até agora, qual personagem você mais gostou de dublar ou mais te marcou?                                                                                                
M. Souza – Essa é difícil, mas gostei muito de dublar Kenan & Kel, juntamente com o Clécio, que é nota 1.000 e é excelente tanto na área profissional quato na pessoal (parecendo o Faustão falando, hahaha), a gente zuava muito no estúdio, era bem divertido. Teve também The O. C., no qual eu fiz o Ryan, Rebelde, onde eu fiz o Miguel, agora tô fazendo Vampire Diaries e tô me amarrando também, dublo o Stefan (novamente ao lado de Clécio souto que faz o Damon), gostei muito da dramaticidade de One Tree Hill onde fiz o Lucas (mais uma vez ao lado do Clécio que faz o Nathan). Cara, me amarrei demais em dublar o Kuzco em "A Nova escola do Imperador", apesar de ser 2ª voz, esse desenho é muito louco, me diverti muito fazendo e colocando um monte de cacos e modificando a voz, além de ter sido dirigido pelo meu amigo e ídolo Guilherme Briggs. Em "Querida encolhi as crianças" fiz o Nick(o garotinho de óculos), em "Free Willy" fiz o Jesse, em "Bambi" fiz o Flor (o gambazinho) e em "Dennis, o pimentinha" fiz o Dennis. Eu gostava da minha voz quado era novinho :-).
 
5ª – Você faz teste para todos os personagens que você dublou ou é convidado?            
M. Souza – Na maioria sou convidado, mas já ganhei vários em testes. 

6ª - E como foi sua seleção para As Crônicas de Nárnia, você dubla o Caspian, certo? Foi teste ou foi convidado?                                                                                              
M. Souza – Foi teste. Gostei muito de dublar ele, acho q a voz casou legal...acabou de sair de cartaz e está nas locadoras a continuação "A viagem do Peregrino da Alvorada" onde ele já é o Rei Caspian. Quem não assistiu, assista. ;-)

7ª – Ainda nesse assunto, atualmente você está dublando Drama Total Turnê Mundial, juntamente com Marco Ribeiro. Como é dublar alguém tão egoísta como Alejandro, que faz de tudo para ganhar uma prova?  E também está dublando A Nova Escola do Imperador como Kuzco, outro egoísta que acha que tudo é para ele. Dois egoístas de uma vez só? hehehe. Fala um pouco dos dois.                                 
 M. Souza – Já terminei de dublar Drama Total, dublei no começo do ano, e o Kuzco já terminei de dublar faz mais de 1 ano :-), era bom demais fazer...sobre o Alejandro era legal tb, é bom brincar com esse tipo de personagem. As tramóias dele me faziam rir, esse desenho é bem legal! Mas comparando os 2, o Alejandro é mal mesmo, o Kuzco só não teve educação e aconselhamento adequados, tendo sempre tudo o q queria. Nesse desenho sou fã mesmo do Kronk, q figura!

8ª - Você prefere fazer filmes, série ou desenho?                                                                      
 M. Souza – Não sei te responder essa...sério, pq depende muito, já ri muito dublando séries de comédia, me emocionei com os Dramas (The O. C. e One Tree Hill q o digam), assisto várias vezes alguns filmes q fiz e os desenhos estou assistindo o tempo todo. No final, pelo menos pra mim, é tudo a mesma coisa. Gosto de fazer coisas que me desafiam como ator, que exijam o máximo de minha interpretação.

9ª - Para você, qual a diferença de dublar cada um?                                                             
M. Souza – Acho que falei demais e já quase respondi na última pergunta...hehe, mas a diferença pra mim, só é entre os live action e os desenhos. Nos filmes e séries temos vários fatores pra prestar atenção, como a expressão exata, o tom, e principalmente a labial. Na tradução, nem sempre encaixa o q está no texto com o formato da boca do personagem, por isso é bom sempre fazer uma boa adaptação pro nosso contexto tomando cuidado pra não colocar palavras q não "encaixam" na boca do ator (ex: um bocão de Aaahh com uma palavra fechada com uuhhh). Nos desenhos isso não é tão gritante, nem todos eles são tão bem animados, fora que sua voz se encaixa mais facilmente com quase qualquer personagem.

10ª - Quando você está dublando determinado personagem, que tem uma voz específica, tenta fazer igual ao original?                                                                                                                                                       M. Souza - Não sei se consegui entender a sua pergunta, mas se for a sonoridade, não. Pq os estrangeiros "cantam" de uma maneira totalmente diferente da nossa. Eu falo como se fosse um cara com aquelas mesmas características e personalidade, só q brasileiro. Imagine uma cena no original onde o cara fala: "Hey, what's up, buddy?" Eu nunca diria "Ei, como é q está, amigãããão?", eu diria, por exemplo: "E aí, Vitor, blz?" (lógico, dependendo da personalidade do personagem, com quem ele está contracenando, etc).

11ª - Quais os seus trabalhos mais recentes? Tem algum filme, série ou desenho sendo dublado, além de Drama Total e A Nova Escola do Imperador?        
M. Souza - Bom, acabou de sair de cartaz nos cinemas o filme "Tron - O legado" no qual fiz o personagem Sam, "As Crônicas de Nárnia - A viagem do Peregrino da Alvorada" onde fiz o Rei Caspian, Batalha de Los Angeles (esqueci o nome do personagem, hahaha), e está em Cartaz o filme "Eu sou o número quatro", faço o personagem Mark, assistam! :-)  Tem mais coisas, mas sempre me esqueço...ah! Tô fazendo tb a segunda temporada de V - Visitantes, personagem Tyler, e tb a 2ª temporada de Vampire Diaries, personagem Stefan. Se me lembrar de mais depois posto pra vcs...
12ª - E qual sua opinião sobre a dublagem brasileira, que já foi considerada a melhor do mundo? Está indo no caminho certo?                                                                       
M. Souza -  Pra mim ela ainda é a melhor do mundo, e pra vários profissionais da área de outros países, inclusive grandes distribuidoras ainda consideram. Sobre estar no caminho certo...deixa pra lá, o q eu penso sobre isso não é assunto pra uma entrevista legal e descontraída, é pra discutir entre a categoria...  :-p 

13ª - Muitas pessoas preferem assistir ao filme sendo ele legendado. O que você acha dessa aversão aos filmes dublados?                                                                                                
M. Souza - Olha, eu assisto vários filmes legendados, e sou apaixonado por dublagem. Só depois q assisto de novo dublado, mas isso porque sou cinéfilo e gosto muito de acompanhar a interpretação dos atores originais. Só os filmes de animação que já assisto de cara dublado, nossa dublagem "esculacha" (Marcos Souza cheio de gírias, hahaha)...
Agora sobre quem tem aversão a dublagem, acho um pouco de ignorância e arrogância. Isso geralmente vem de pessoas de classe média e alta q
fizeram lá seu cursinho de inglês, nada contra, eu tb fiz o meu, inclusive sou fluente em inglês, mas e quando o filme é em mandarim, francês, alemão, japonês...? Escuto muitas críticas em relação à tradução de produções dubladas, geralmente reclamam dizendo: "Eu sei inglês e vi q ele não disse nada disso..." Aí eu pergunto o q ele disse em inglês, e me respondem: "I miss you so much and can't wait to have you in my arms", a tradução seria "Sinto muito sua falta e não posso esperar pra ter vc em meus braços...." e na dublagem disseram "Tô com muita saudade e tõ louco pra te abraçar logo". Aí eu pergunto, não é a mesma coisa?? E mais, como vc diria isso a alguém, como a 1ª frase ou como a 2ª?? Bom, pessoas normais como eu diriam como a 2ª, isso se chama adaptação de texto. Não quero dizer q não há erros de tradução na dublagem, acontece, mas só sei q vejo MILHÕES de erros de tradução nas legendas, mas não vejo ninguém pedindo pra tirar as legendas e ver o filme só com o som original... será q o inglês da galera toda é tão bom assim? E mais, não podemos esquecer dos deficientes visuais do nosso Brasil, q com a dublagem tb podem sentir e se emocionar com as produções, os idosos, as crianças...não é?


 14ª - Quais as dicas que você dá para o pessoal de casa que quiser ser dublador?  
M. Souza - Bom, minha primeira dica é fazer um bom curso de teatro, se dedicar, se vc não for um bom ator, com certeza não será um bom dublador, não acha? E depois de ter a experiência necessária, dar entrada no registro de ator no sindicato dos artistas, pq sem registro é proibido dublar. Depois fazer um ótimo curso de dublagem. Daí pra frente é só ter muita paciência e persistência, procurando as casas de dublagem pra fazer testes. A oportunidade pode demorar a chegar, pq não é fácil entrar pra esse mercado, mas não desista... e mãos a obra! :-)

15ª - E  para concluir essa conversa mais do que agradável, manda um recado para a galera que está lendo!!                                                                                                                          
M. Souza - Um beijão pra quem for de beijo e um abraço pra quem for de abraço! Quero agradecer a todo mundo q ama dublagem, e q gosta do meu trabalho, fico muito feliz com os elogios q recebo, valeu mesmo! Pra quem quiser, entra na minha comunidade do Orkut "Marcos Souza - dublagem", lá tem o meu perfil do Orkut, tem tb meu formspring pra fazer perguntas e meu Twitter q é @emeesse, tb estou no Facebook, é só pegar meu perfil com o Vitor aqui do blog q ele sabe, estarei a disposição sempre q der pra bater papo, responder perguntas e postar meus novos trabalhos. Valeu gente!

Blog - Muito obrigado por conversar com a gente Marcos!! Foi muito bom falar com você!! Abraço e até a próxima!!
M. Souza - Eu que agradeço. Parabéns a vcs por esse blog super legal sobre essa arte maravilhosa q é a dublagem. Abração!



 Ps: Quando terminar de ler, por favor, COMENTEM!! O blog só irá crescer se os leitores comentarem, então por favor, colabore!! Obrigado!! :)

 Nas próximas semanas teremos Philippe Maia, Angélica Santos, Mabel Cezar, Carla Pompilio, Fernanda Fernandes, Marco Ribeiro, Ricardo Juarez, Fábio Lucindo, Clécio Souto, Hermes Baroli, Felipe Grinnan, José Leonardo e Nelson Machado. É só aguardar!! o/ 

Visitem também o blog sobre animes!! Muito Bom, recomendo!! http://gyabbo.wordpress.com/  
 

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Minha opinião sobre o filme e a dublagem de "Rio"

Em minha simples e humilde opinião, só tenho uma coisa a dizer: Sensacional. O filme foi feito pra rir. Carlos Saldanha realmente mostrou a alma do Rio de Janeiro. Uma história envolvente, simples e com uma boa pitada de comédia, "Rio" mostrou a realidade do contrabando de animais silvestre e as favelas, mas também mostrou o gingado dos cariocas, o samba e como o Brasil é um país colorido, alegre e cheio de vida. O filme veio para valorizar mais, não só a cidade do Rio, como o Brasil em si e tirar da cabeça de estrangeiros que aqui só existe mulheres lindas com seus corpos de quase deusas, entre outros rótulos que o país tem lá fora. Precisávamos de um filme assim, que foi feito lá fora, mas que mostra as belezas daqui de dentro. E foi preciso um diretor brasileiro para fazer isso. Meus sinceros agradecimentos a Carlos Saldanha, por esse excelente trabalho. Talvez agora as pessoas lá de fora olhem para cá com outros olhos e vejam as verdadeiras belezas do Rio de Janeiro. E deixo bem claro que ficarei muito indignado caso esse filme não venha concorrer ao Oscar de Melhor Animação.
Para aqueles que ainda não assistiram, não sabem o que estão perdendo. Você que está só em casa, sem nada para fazer, vá ao cinema e assista "Rio", você irá voltar para casa rindo a toa.

Agora minha opinião sobre a dublagem. Melhor, impossível. Guilherme Briggs fez uma direção excepcional. A escolha das vozes para as personagens foi muito bem feita. Gustavo Pereira fez um ótimo trabalho dublando Blu, juntamente com Adriana Torres dublando Jade. Sylvia Salustti e Rodrigo Santoro fizeram uma ótima parceria dublando Linda e Túlio. Já na cantoria Alexandre Moreno e Mauro Ramos, deram um show como Nico e Pedro, respectivamente. Guilherme Briggs e suas risadas do mal fizeram jus ao papel do vilão Nigel, que ainda faz uma pequena cantoria. E por último, mas não menos importante Rafael, que fora interpretado por Luiz Carlos Persy que também fez uma atuação exemplar. Toda a equipe da Delart e do filme estão de parabéns por dá "vida brasileira" a um filme genuinamente brasileiro.

 Ps: Quando terminar de ler, por favor, comente!! O blog só irá crescer se os leitores comentarem, então por favor, colabore!! Obrigado!! :)

 Nas próximas semanas teremos Philippe Maia, Angélica Santos, Mabel Cezar, Carla Pompilio, Marco Ribeiro, Ricardo Juarez, Fábio Lucindo, Clécio Souto, Hermes Baroli, Felipe Grinnan, José Leonardo e Nelson Machado. É só aguardar!! o/ 

Visitem também o blog sobre animes!! Muito Bom, recomendo!! http://gyabbo.wordpress.com/  

domingo, 10 de abril de 2011

Entrevista com Luciana Baroli, dubladora de Bella, Quinn, Shunrei, Sasha e muitas outras.

1ª - Antes de tudo vamos começar sabendo um pouco mais da sua vida profissional, como e quando você iníciou nesse mundo?
Luciana - 
Eu comecei ainda pequena, com uns 9 ou 10 anos mais ou menos. Minha mãe, ou meu pai iam dublar, e me levavam junto, eu ficava lá assistindo. Até que um dia as pessoas começaram a perguntar. Essa menina não quer dublar? Tem uma menininha nesse filme, vamos tentar fazer com ela. Nisso fui fazendo uma coisinha aqui, uma coisinha ali, e acabei ficando.

2ª - Como é fazer parte de uma família de dubladores?
L - Ah, é muito bom fazer parte de uma família de dubladores. Minha mãe sempre me dá muitas dicas de interpretação, colocação de voz... Coisas que pessoas de fora dificilmente fariam. E como sou casada, acabo não indo sempre a casa da minha mãe, às vezes por causa da correria de trabalho, filho e etc. E trabalhando com a mesma coisa, acabo sempre encontrando com meus familiares pelos estúdios, mesmo não tendo tempo às vezes de ir visitar em casa, sempre estou vendo alguém, minha mãe, meu pai, minha irmã, meu irmão... rsrs.

3ª - E como foi sua primeira vez no estúdio? Deu aquele frio na barriga?
L - Sinceramente não me lembro... rsrsrs... Eu era muito novinha.

4ª - Dentre todas as dublagens que você fez, qual a que você mais gostou de fazer?
L -
Ah... existem tantas. Estamos fazendo uma novela chamada MENINAS MALVADAS, eu curto muuuuuiiito fazer a personagem que faço lá, sempre acontece situações engraçadas com ela, é muito legal. Mas eu gostei muito de fazer a Saga Crepúsculo, acho que pelo sucesso que a saga faz, é muito legal ter o reconhecimento do público.

5ª - Como é dublar personagens como Quinn,  Bella,  Shunrei e mais recentemente Sasha(Atena)? As pessoas reconhecem sua voz na rua por causa delas?
L -
Ah, é muito bom, primeiro porque eu entro na história, é engraçado isso, mas eu meio que vivo a personagem, torço pras coisas acontecerem, pra que seja do jeito que eu quero rsrsrs... E segundo pelo reconhecimento do público, a reação das pessoas quando sabem que eu faço tal voz, é muito legal. E com a Quinn, a Bella e a Sasha acontece muito isso, das pessoas ficarem perguntando: é você mesmo? Mas como você faz a voz dela? rsrsrs... essas coisas. Olha, sinceramente, nunca fui reconhecida pela voz.

6ª - Qual a sua opinião sobre a dublagem brasileira, que já foi considerada a melhor do mundo? Está indo no caminho certo?
L -
Então, essa é uma pergunta complicada. Pois os donos dos filmes, ao que me parece, não estão tão preocupados com a qualidade, normalmente as coisas são feitas as pressas. Eles entregam um filme hoje e querem pronto daqui dois dias. E o filme tem quer ser traduzido, cortado, escalado, mixado.... em dois dias, é pouco tempo pra tudo que tem que ser feito, e isso faz com que a qualidade caia. Claro que não podemos generalizar, nem sempre é assim. O ideal seria sempre termos um tempo razoável pra fazer o filme, porque fazendo com calma, sem tanta correria, teríamos um resultado melhor, com certeza, entende?

7ª - Como é a procura dos estúdios pelos dubladores?
L - Hum... o dublador, na verdade, quando está começando, procura os estúdios, faz um registro de voz, ou algo do tipo. E daí, então, o estúdio se tiver gostado do trabalho daquela pessoa, escala para o personagem que acha que a voz combina mais. Então eles entram em contato com o ator, e agendam um horário com aquela pessoa pra gravar.

8ª - E como foi sua seleção para "Crepúsculo", "Glee" e "Lost Canvas"? Foi teste ou foi convidada?
L - O Crepúsculo foi teste. Várias pessoas gravaram uma cena do filme, e o cliente assistiu, e escolheu a voz que ele gostou mais, que combinou mais com a Bella. O Glee e o Lost Canvas, eu fui convidada pelo estúdio.

9ª - Você esperava essa repercussão sobre a Bella?
L - Não, não esperava mesmo. Eu não sabia que o livro já era um sucesso quando eu fui gravar o filme, descobri durante as gravações, mas não esperava, me surpreendi.

10ª - Você já dublou em todos os estúdios da sua cidade?
L - Já, já dublei sim. Se não dublei em todos, dublei na grande maioria.

11ª - Quais os seus trabalhos mais recentes? Tem algum filme, série ou desenho sendo dublado?
L -
Hum... "Glee" ainda está sendo dublado. Atualmente tenho feito novelas, uma se chama "Meninas Malvadas", onde eu faço a Marisa, já está até no ar, em um canal a cabo. E a outra é a novela "Quase Anjos", onde faço a Hope. E sempre estamos fazendo uma coisa aqui outra ali.

12ª - Muitas pessoas preferem assistir ao filme sendo ele legendado. Você saberia dizer por que essa aversão aos filmes dublados?
L - É realmente tem muito isso. Não sei o porquê desse preconceito. Tem muita coisa dublada, bem melhor que o original, mas exatamente pelo preconceito, as pessoas nem tentam assistir dublado, pra ver se está bom ou não. E quando assistem, já assistem pra criticar.

Blog- Isso é verdade, muitas vezes o preconceito fala mais alto. Antes de falar mal e criticar tem que ser avaliado. Mas vamos torcer para isso mudar com o tempo.
13ª  - Tem muita pressão em cima de vocês para entregar filmes, séries ou desenhos prontos?
L - Ah... Como já disse antes, as coisas, normalmente, são feitas às pressas. Mas a pressão é mais em cima do estúdio, não dos dubladores.

14ª - Quais dicas você dá para o pessoal de casa que quiser ser dublador?
L - Tem que ser ator, ter DRT. E correr atrás, fazer registro de voz nos estúdios, e sempre estar presente, senão você não será lembrado. Na hora de escalar um filme, é natural que a pessoa que escala, se lembre mais daqueles que ela vê mais. E depois que já estiver dublando, sempre ouvir os conselhos daqueles que já dublam há mais tempo. Às vezes as pessoas entendem como crítica, mas não, sempre veja como conselho, e use esse conselho pra aperfeiçoar seu trabalho.

 15ª - E encerrando essa conversa muito agradável, manda um recado para a galera que está lendo!!
L - Bom, queria agradecer a todos pelo carinho. E dizer que procuramos fazer um bom trabalho, para que vocês sintam prazer ao ver um filme. Procuramos passar a maior verdade possível. E agradecer ao pessoal do BLOG pela oportunidade. Beijos a todos.

Blog - Muito obrigado pela sua participação aqui no nosso Blog Luciana!! Você é uma pessoa muito simpática de se conversar!! Abraço e até a próxima!!
L - Eu que agradeço. Um grande abraço. Até.

Ps: Quando terminar de ler, por favor, comente!! O blog só irá crescer se os leitores comentarem, então por favor, colabore!! Obrigado!! :)

 Nas próximas semanas teremos Philippe Maia, Angélica Santos, Mabel Cezar, Carla Pompilio, Marco Ribeiro, Ricardo Juarez, Fábio Lucindo, Clécio Souto e Hermes Baroli. É só aguardar!! o/ 

Visitem também o blog sobre animes!! Muito Bom, recomendo!! http://gyabbo.wordpress.com/  

terça-feira, 5 de abril de 2011

Dublagem do filme Rio!!

Na próxima sexta terá a estreia de Rio. A história de uma arara azul domesticada que vai para o Rio de Janeiro atrás de outra arara para poder acasalar com ela e salvar a espécie. Mas as duas araras acabam sendo sequestradas e então terão que fugir do cativeiro. A dublagem para esse filme promete, tanto a versão americana quanto a versão brasileira. Na versão americana temos Anne Hathaway, Jesse Eisenberg, Jamie Foxx, Rodrigo Santoro e muitos outros. Já na versão brasileira, gravada na Delart com direção de Guilherme Briggs, Gustavo Pereira e Adriana Torres cederam as vozes a Eisenberg e Anne. Alexandre Moreno, emprestou o gogó a Nico, ave que, no original, foi “interpretada” por Jamie Foxx. Também faz parte do elenco Mauro Ramos como o pássaro Pedro e Briggs faz a cacatua Nigel. Há uma grande espectativa para o filme, pois vem sendo desenvolvido já faz um bom tempo e é considerado "o projeto dos sonhos do brasileiro Carlos Saldanha". Ele é o mesmo diretor da trilogia Era do Gelo. O filme será mais um musical, o que diferencia dos filmes da Era do Gelo. Será exibido nos principais cinemas do país e terá também em 3D!!
Então fiquem aguardando, nessa Sexta(08/04) a estreia de Rio!!

Fonte: Relação dos atores que dublaram o filme foi fornecida por: Wagner Follare.

Ps: Quando terminar de ler, por favor, comentem!! O blog só irá crescer se os leitores comentarem, então por favor, colaborem!! Obrigado!! :)

 Nas próximas semanas teremos Philippe Maia, Luciana Baroli, Angélica Santos, Mabel Cezar, Marco Ribeiro, Ricardo Juarez, Fábio Lucindo, Clécio Souto e Hermes Baroli. É só aguardar!! o/ 

Visitem também o blog sobre animes!! Muito Bom, recomendo!! http://gyabbo.wordpress.com/ 

domingo, 3 de abril de 2011

Primeira Entrevista do Blog com Mauro Ramos, dublador do Pumba.


1ª-Vamos começar com o básico, como e quando você começou a dublar?
R- Comecei a dublar em 1989, pelas mãos amantíssimas de Mário Monjardim, o cara que acreditou no meu trabalho, sem nem eu mesmo acreditar! rsrsrs...Nunca havia entrado em um estúdio de dublagem...Até então me interessava por dublagem como consumidor, mesmo já sendo ator desde 1979, porque faço parte da primeira geração da chamada "babá eletrônica", quando  consumíamos muitos produtos dublados através da TV aberta...Mário me deu aquele empurrão através do pedido de Cordélia Santos, colega rádio atriz da Super Rádio Tupi do Rio de Janeiro...Fui contratado com apenas um teste de voz e sem ter feito cursinho de dublagem, no dia 15 de março de 1989...Devo portanto a Cordélia e a Monjardim minha entrada na dublagem.

2ª-Dentre todas as dublagens que você fez, qual a que você mais gostou de fazer?
R- Sou um crítico muito severo de mim mesmo como profissional, então já viu, né? Tudo que faço poderia ter ficado melhor, mas mesmo assim, gosto de dublar o Sully de Monstros SA, os filmes onde dublo Gary Oldman e Geoffrey Rush e incondicionalmente, o Pumbaa, de O Rei Leão...Como disse o Drummond uma vez: O Pumbaa é o seu Scooby Doo!

Como é dublar personagens que se tornaram tão famosos como Pumbaa, Zeca Urubu e o Coisa? As pessoas recolhecem sua voz na rua por causa deles?
R- Olha, há cerca de 10 anos ainda nos mantínhamos na condição de "Astros que despontam para o anonimato"! Mas, não tínhamos idéia da importância de nosso trabalho e da repercussão em nível nacional! Antes, quando reconheciam nossa voz, ouvíamos, de um modo geral: "Eu conheço essa voz!O senhor faz novela?" (Lógico que, mentalmente, o público fazia a associação do nosso trabalho com os colegas atores de televisão, porque não sabiam identificar com certeza, mas a referência era que ouviam todos os dias pela telinha!) Hoje já nos dizem que somos dubladores e até sabem nosso nome!!! Alguns se emocionam e choram, outros ficam animados, mas sempre, pelo menos comigo, sempre, repito, tratam com muito carinho e consideração. Sobre como é dublar essas personagens, só posso dizer que é o que a gente faz todo dia!!!!hahahahahahahahahahaha


Qual a sua opinião sobre a dublagem brasileira, que já foi considerada a melhor do mundo? Está indo no caminho certo?
R- Todos os campos de atividades passam por períodos de modificações, de transformações, quer queira em sua tecnologia de trabalho, quer em seus padrões de excelência..Cabe ao próprio meio "peneirar" o que chega de novo, o que se instala de erros, o que se consegue de avanços... e seguir adiante...Sônia Ferreira, minha grande irmã na dublagem, já falecida, dizia que sempre via gente nova entrando e saindo, e querendo reinventar a dublagem...Essas pessoas entravam, e sem deixar marcas, iam embora...E a gente continuava dublando!rsrsrs...O que posso dizer é que tudo que tinha que ser inventado na dublagem, já o foi, pelos pioneiros!!!O que nos resta é só prestar homenagem!!!

Quais os seus trabalhos mais recentes? Tem algum filme, série ou desenho sendo dublado?
R- Acabamos de dublar Rio, onde fiz o Pedro, um cardeal funkeiro...De série, tenho dublado No Ordinary Family e Mike & Molly!

Como foi dublar um filme de tanto sucesso como Piratas do Caribe? Você dublou o Cap. Barbossa, certo?
R- Sim, confesso, eu cometi essa dublagem!rsrsrsrs Foi uma satisfação enorme, porque voltei a dublar Geoffrey Rush, de quem sou grande admirador!!!

Muitas pessoas preferem assistir ao filme sendo ele legendado. Você saberia responder por que essa aversão aos filmes dublados?
R- É um direito que essas pessoas têm!!!E defenderei esse direito como cidadão e pessoa até morrer! Porém, não aceito quem não gosta de dublagem, e sem nem conhecer o processo, tripudiar sobre o assunto!!!Que se informe, que se esclareça, e não faça críticas como se a dublagem tivesse parado no tempo em seus erros e acertos!!! Essa aversão é coisa de uma minoria preconceituosa, minoria porque pouquíssimos têm o privilégio de falar muito bem outro idioma, preconceitos porque tiram todas as dublagens por opiniões dos outros ou de quem admiram, para serem aceitos nos grupos onde vivem....Mas, como diz o velho ditado: "Com as pedras que me atiraste, começarei minha loja de material de construções!!!!rsrsrsrsrs

Você já dirigiu e dublou( um personagem importante) ao mesmo tempo? É muito trabalhoso?
R- Já algumas vezes...É trabalho dobrado, onde o tempo passa mais devagar pelos cuidados que a gente , normalmente, tem que ter...Mas, hoje em dia, isso já não é quase comum, pois a consciencia profissional levou a termos cuidados com isso...

Teve alguma dublagem que você mais gostou de fazer com o Guilherme Briggs?
R- Quando eu estava diretor, quando fizemos a série do Buzz Lightyear e como ator, vários trabalhos...Normalmente, trabalhamos super afinados, por óbvia admiração, respeito e bandalheira mútuos!hahaha...Normalmente, é um grande prazer...Rimos e nos sacaneamos o tempo todo!!!

10ª Para finalizar, manda um recado pra galera que vai ler a entrevista no blog.
R- Agradeço enormemente a oportunidade que vocês me deram, fiquei muito lisonjeado e espero que as pessoas que estejam lendo jamais esqueçam que são consumidores de produtos da indústria do entretenimento no mundo, e que, como quaisquer consumidores, devem exigir qualidade dos fornecedores, em todos os níveis! Um grande abraço a todos!!

Muito Obrigado pela sua participação nessa entrevista Mauro, foi muito simpático da sua parte!! Nós gostamos muito do seu trabalho. Abraço e até a próxima.
R- Como saúda o Sr. Spock, desde seus 45 anos vulcanos: Vida longa à próstata!!!


Ps: Quando terminar de ler, por favor, comentem!! O blog só irá crescer se os leitores comentarem, então por favor, colaborem!! Obrigado!! :)

Essa foi a primeira entrevista do Blog, mas teremos muito mais.... Nas próximas semanas teremos Philippe Maia, Luciana Baroli, Angélica Santos, Marco Ribeiro e Ricardo Juarez. É só aguardar!! o/ 

Visitem também o blog sobre animes!! Muito Bom, recomendo!! http://gyabbo.wordpress.com/

sábado, 2 de abril de 2011

Curiosidades sobre a Dublagem e Novidades para post futuros

Você sabe como a Dublagem surgiu?? Aqui vai a resposta....

Como a dublagem surgiu?

O Primeiro filme totalmente dublado foi "Luzes de Nova York" lançado em 1929. As falas das personagens na época eram representada por cartelas sendo traduzidas para todos os idiomas, porém veio o primeiro desafio. Como a legendagem a princípio não obteve resultados satisfatórios, chegaram a pensar em filmar cenas em outros idiomas com os mesmos atores por conta dos vários idiomas, porém essa ideia não era economicamente viavel. Mas em 1930 Jacob Karol invetou um sistema de gravação que permitia sincronizar áudio e imagem, assim surgia a dublagem, tal recurso permitira que a qualidade sonora dos filmes pode-se ser aprimorada, já que os equipamentos nas filmagens era barulhentos e nem sempre se obtinha uma boa captação de som.

A Dublagem permitia regravar as cenas diversas vezes até ao nével de interpretação que o dietor imaginara para o filme. A maior vantagem de tal recurso foi de proporcionar aos artistas, falar em outros idiomas abrindo um grande campo de trabalho em varias partes do mundo.
fonte:http://www.geracaotaku.com/2010/08/curiosidades-historia-da-dublagem-e_20.htmlia-da-dublagem-e_20.html 

Ps: Quando terminar de ler, por favor, comentem!! O blog só irá crescer se os leitores comentarem, então por favor, colaborem!! Obrigado!! :)

Logo, logo aqui será postado entrevistas com Mauro Ramos que faz a voz do Pumbaa e com Philippe Maia que faz a voz de Sam Winchester. A nossa meta é tentar postar uma entrevista por semana!!! Então fiquem no aguardo abraço. o/

Capitão América - Trailer Dublado.

                                                                      Chris Evans
                                                                       Clécio Souto
                                                                                     
Nessa semana saiu o novo trailer do Capitão América, dublado claro. Acho que o filme ficou muito bom e a dublagem também, mesmo sabendo que nem sempre a dublagem do trailer é a mesma do filme. Mas vou torcer para que o Clécio Souto seja o dublador no filme também, assim como no trailer. Ele também dublou o Chris Evans nos dois filmes do Quarteto Fantástico. Outros trabalhos do Clécio, por exemplo, são: o ator James Franco nos filmes do Homem Aranha, o Frango de "A Vaca e o Frango" e o Batman de "Batman do Futuro".

Aqui vai o link para o primeiro trailer dublado de Capitão América, o filme estreia em Julho: http://www.youtube.com/watch?v=-006iHDHK34

Ps: Quando terminar de ler, por favor, comentem!! O blog só irá crescer se os leitores comentarem, então por favor, colaborem!! Obrigado!! :)

Introdução

"Oi, eu sou o Goku". Com certeza você já deve ter ouvido essa voz e deve ter se perguntado: de quem será a voz dele? Pois é, aqui farei o possível para tirar suas dúvidas. Também irei falar um pouco sobre os dubladores e seus trabalhos passados, recentes e talvez futuros; sobre as dublagens dos novos filmes/desenhos/animes/séries, etc; se possível, e eu espero que sim, entrevista com alguns dubladores; além de abordar temas variados sobre o assunto. Espero que gostem do blog, apesar de ser novo nisso, acredito estar fazendo tudo certo!!! :D
Então eu peço a paciência de vocês, já que eu estou começando agora não posso garantir que todo dia terá coisas novas, mas sempre que surgir estarei postando aqui!!! Abraço e obrigado pela preferência. ;D
Até a próxima.